De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Roteiros 12 horas por Treviso

Explorando cidades do nascer do sol ao fim da noite.

Guia para curtir o lado B de San Diego, na Califórnia

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

18 de May, 2018

Share

San Diego se auto intitula “a melhor cidade da América”. A minha primeira visita fez eu entender o porquê do título. Se ela é a melhor de fato, eu não sei, mas San Diego coleciona diversos motivos para ser.

Fiquei por lá poucos dias, o que me frustou um pouco, pois eu adoraria explorá-la mais, mas deu para ter um gostinho bom das coisas boas que a cidade oferece.

Os belos jardins do Balboa Park
Os belos jardins do Balboa Park. Foto: tomsphotocafe.com

San Diego fica ao sul de Los Angeles, quase na fronteira com o México, ocupando uma extensão de 116 quilômetros de praia no Oceano Pacífico. É a cidade californiana que tem o clima mais ameno, tem praias belíssimas e sua temperatura não oscila muito, variando entre 15 e 25ºC entre inverno e verão. É a casa do Balboa Park, o maior parque urbano dos Estados Unidos, onde se concentram 15 museus, galerias de artes, belos jardins, o teatro The Old Globe, construído em 1935,  e um dos zoológicos mais famosos do mundo, o San Diego Zoo. Dependendo da época do ano é possível avistar baleias azuis migrando do Alasca para o México.

Olha que maravilha: é possível ver baleias em San Diego. Foto: San Diego Whales & Dophins
Olha que maravilha: é possível ver baleias em San Diego. Foto: San Diego Whales & Dophins

San Diego é uma cidade grande mas com muitos tesouros escondidos. A cidade é dividida em mais de cem bairros, cada um com suas próprias características. Dizem que você pode passar a vida morando lá e não conhecer todos. Alguns mais legais para visitar são o North Park, South Park, East Village, Little Italy, Barrio Logan, Hillcrest, Pacific Beach, Old Downtown, La Jolla. Também vale muito a pena pedalar por um dia e curtir as praias de Coronado.

Eu dando um rolê em North Park. Foto: Max Whittaker
Eu dando um rolê em North Park. Foto: Max Whittaker

A influência mexicana é grande resultando numa “Cali Baja”, que reflete na arquitetura, gastronomia, artes. Muitos garantem que eles tem a melhor comida mexicana da Califórnia e é possível achar um lugar para comer 24 horas por dia. Uma vez ou outra figura a lista de melhores cidades para comer dos Estados Unidos. A cidade conta com mais de 7 mil restaurantes. Aliás, é bem fácil ser vegetariano em San Diego.

A entradinha Deli Battle no KINDRED, restaurante vegano em San Diego.
A entradinha Deli Battle no KINDRED, restaurante vegano em San Diego. Foto: Max Whittaker

É o paraíso para apaixonados por cervejas. Por lá se encontram mais de 140 cervejarias artesanais, uma melhor que a outra. A IPA produzida em San Diego tem um estilo muito próprio. É o berço da Comic Con, onde nasceu em 1970 e tem a maior edição de evento do gênero do mundo. De acordo com a revista Forbes, San Diego é a terceira cidade mais cool dos Estados Unidos, perdendo somente para San Francisco e Seattle. O clima é bem mais relaxado que Los Angeles e até mesmo que San Francisco.

The North Park neighborhood of San Diego, California, April 18, 2018.
Nunca vi tanta verdade. Foto: Max Whittaker / Visit California

É uma cidade jovem, vibrante e ótima para quem gosta de fazer compras. É em San Diego que se encontram os melhores outlets da Califórnia. Além deles, a cidade tem ótimos brechós, especialmente na área de North Park, o bairro mais hipster de lá, o bairro em que me hospedei e mais bati perna durante minha curta temporada em San Diego.

North Park, um dos bairros mais legais de San Diego.
North Park, um dos bairros mais legais de San Diego. Foto: Max Whittaker / Visit California

Uma coisa muito fofa em San Diego é que cada bairro tem uma sinalização diferente logo na entrada. Dá vontade de sair fotografando cada uma delas.

Quem adora shows de música ao vivo, San Diego tem uma boa oferta. Eu vi o show do Haim no Observatory, em North Park, casa aberta no fim dos anos 1930. O teatro é lindo! Se tiver alguma banda que você gosta tocando por lá, não deixe de conhecer.

A minha recomendação é: se você é uma pessoa solar e for dar um rolê pela Califórnia, coloca San Diego na lista. A cidade vai te surpreender. Os lugares selecionados aqui são alguns que visitei e adorei! A maioria deles se concentram fora da região central, a minha favorita da cidade.

Comer

Ponce's Restaurant, San Diego. Foto: Robert Tardio
Ponce’s Restaurant, San Diego. Foto: Robert Tardio / divulgação

O Ponce’s é um restaurante mexicano contando uma bonita história desde 1969, além de ter missão e valores bem definidos. É um lugar tradicional comandado pela família Meza. O ambiente é rústico e relaxado, mas decorado de forma bem criativa com a parede coberta de retratos. Para quem gosta de drinks, a estrela do menu é a marguerita. Já a comida é difícil decidir o melhor de lá, pois tudo é muito bom. Os pratos são fartos, super saborosos. As enchiladas, as carnitas, os burritos e os tacos são todos perfeitos. Para quem quiser fugir do óbvio e se dar bem, peça o Mexi-style chile relleno burger. A melhor parte: os preços são ótimos! É para ir sem erro. Fica no bairro Kensington, uma pequena cidade dentro de San Diego, que vale a pena explorar. Endereço: 4050 Adams Avenue, Kensington, San Diego, Califórnia.

KINDRED, restaurante vegano em San Diego. Foto: Max Whittaker / Visit California
KINDRED restaurant in San Diego, California, April 18, 2018.

Para veganos e vegetarianos de plantão, o Kindred é parada obrigatória. Também é para quem não dispensa um belo pedaço de bife. O lugar tem heavy metal como tema, mas ele me pareceu passar longe. O ambiente é bem bonito e sofisticado. O menu é super criativo e totalmente baseado em plantas. Os drinques são excelentes e todos com ótima apresentação. Vale a pena reservar mesa antes de ir, pois o lugar é bem concorrido. Endereço: 30th Street, South Park, San Diego, Califórnia.

Carnitas Snack Shack, North Park, San Diego.
Carnitas Snack Shack, North Park, San Diego. Foto: Max Whittaker

O Carnita Snack Shack já entrou para a lista dos restaurantes mais baratos e deliciosos pela San Diego Magazine. Se é um dos melhores, eu não sei, mas tudo lá é de comer de joelhos de tão saboroso (e chorar um pouquinho, porque quase tudo é super picante). Comida de rua mexicana da maior qualidade. O clima é super relaxado. Pede-se numa janelinha ainda na calçada e aguarda seu pedido num jardim aberto bem gostoso (só vá em dias frios se estiver bem agasalhado). A estrela da casa é o Snack Shak Steak Sandwich. Tem também uma seleção de cervejinhas e vinho! São três endereços em San Diego, mas eu recomendo o de North Park, claro: 2632, University Ave, San Diego, Califórnia.

Fritata de camarão no Breakfast Republic, San Diego. Foto: Max Whittaker / Visit California
Fritata de camarão no Breakfast Republic, San Diego. Foto: Max Whittaker / Visit California

Nada como um bom brunch para entrar no clima californiano começando o dia um pouco mais tarde. O Breakfast Republic é o paraíso para apaixonados por este tipo de refeição. Menu super extenso, criativo e pratos beeeeem fartos. Tem tudo. Tem  omeletes, croque monsieur, brunch vegano, brunch mexicano, brunch americano, brunch com frutos do mar, panquecas, muitas panquecas, french toast feita de diversas maneiras, só pra citar “alguns” itens do cardápio. Nada é comedido por aqui. Ah, e peça uma mimosa para acompanhar, claro! Eles tem vários endereços, mas o de Pacific Beach é o mais bonito. Endereço: 4465, Mission Blvd, San Diego, Califórnia.

Dunedin New Zeland Eats, San Diego
Dunedin New Zeland Eats, San Diego. Foto: divulgação

Quem quiser experimentar pratos neo-zelandês, o Dunedin não irá decepcionar. Não apenas pela comida, mas pelo ambiente peculiar com um mix de pub e um camp de verão. Entre as várias estrelas do menu, os burgers são os mais concorridos, feitos com os mais variados tipos de carnes. É um ótimo lugar também para um brunch e tomar drinks. Endereço: 3501 30th St, North Park, San Diego, Califórnia.

Beber

Uma coisa maravilhosa na Califórnia, senão nos Estados Unidos, são os bons bares de coquetéis. Mas San Diego é muito mais sobre cerveja como citei no início desse guia. As cervejarias estão em todos os lugares e arrisco dizer que não deve ser difícil acertar. Visitei três em North Park e gostei de todas elas, tanto das cervejas produzidas quanto de suas histórias. Então são elas que vou compartilhar com vocês.

Beer tasting at Modern Times Brewing in San Diego, California
O lindo salão da Modern Times Tasting, San Diego. Foto: Max Whittaker / Visit California

A Modern Times chama atenção pela sua decoração. Balcões voltados para janelas de vidro possibilitando contemplar o movimento da rua. No teto abajures preenchem cada centímetro dele formando uma bela instalação de arte. Apesar de abrir as portas ao meio-dia, eles não servem comida, mas você pode pegar um em qualquer restaurante nos arredores e comer por lá. Tem uma pizzaria ótima quase na frente. A cerveja é relativamente nova e nasceu em 2013 a partir de um projeto de crowdfunding, mas é hoje uma das melhores de San Diego, com filiais em LA e Portland. A Modern Times hoje tem 30% de suas ações distribuídas entre os mais de cem funcionários. São oito cervejas apresentadas diariamente para degustação e é possível comprar bandeja com quatro opções de cervejas. Endereço: 3000 Upas St., North Park, San Diego, Califórnia. A flagship fica em Point Loma, na região central. 

Eppig Brewing, North Park, San Diego
Eppig Brewing, North Park, San Diego. Foto: Lalai Persson

A Eppig Brewing tem muita história pra contar. Surgiu 1866 em San Diego como cervejaria artesanal, mas foi em 2016 que foi reinventada tendo sido comprada de volta pela neta do fundador alemão Leonhard Eppig. São duas lojas, uma em North Park e outra no Waterfront, ao lado do Centro. A do North Park é bem pequena, aconchegante e tem uma ótima trilha rock’n roll para acompanhar a degustação de cerveja. Para quem curte uma IPA, se prepare para saborear a Wolf IPA. Eles costumam ter dez rótulos disponíveis. Endereço: El Cajon Blvd Suite C, North Park, San Diego, Califórnia.

Mike Hess Brewing, San Diego
Cervejas voando no Mike Hess Brewing. Foto: Max Whittaker / Visit California

Quem gosta de tomar uma cerveja enquanto contempla grandes tonéis de fermentação, vai se impressionar com a Mike Hess. A cervejaria tem mais de mil metros quadrados! É possível ter o menu degustação ou pints acompanhados de comidinhas de rua. A cervejaria começou sua história em 2010 e este ano (2018) se tornou a 11ª maior cervejaria de San Diego. Eles também vendem oito tipos de cervejas em lata para levar pra casa. Não deixe de experimentar a Blood Orange, uma double IPA. Eles tem vários endereços, mas também visitei a de North Park: 3812 Grim Ave., San Diego, Califórnia.

Encontro North Park, San Diego.
Encontro North Park, San Diego. Foto: divulgação

O Encontro North Park é um bar que promove exatamente o que significa seu nome: encontros. O lugar é ótimo para ir com amigos, tem uma boa carta de cervejas artesanais, incluindo bandejas de degustação, bons coquetéis, vinhos e ótimas comidinhas. É um bom lugar para um happy hour acompanhado de petiscos. Endereço: 3001 University Ave, North Park, San Diego, Califórnia.

Cafés e chás

San Diego é tem várias cafeterias modernas e minimalistas. A maioria parece ter saído de um board do Pinterest de muito bom gosto.

Communal Coffee.
Communal Coffee. Foto: divulgação

O Communal Coffee é daqueles cafés super fofos. Eles trabalha com grãos da Sightglass Coffee, de San Franscisco. Os cafés são servidos em prensa francesa, expresso, machiatto, cortado, vanilla bean latte e por aí vai. Tem também um menu delicioso de comidinhas com sanduíches, torradas, inclusive de avocado. A loja dois foi aberta num trailer de 1959 totalmente reformado que dá vontade de morar dentro, perfeito para dias ensolarados. Endereço: 2335 University Ave, North Park, San Diego, Califórnia.

Holsem Coffee, North Park, San Diego.
Holsem Coffee, North Park, San Diego. Foto: Divulgação

No Holsem Coffee só entram produtos orgânicos. Diariamente oferecem sete tipos de grãos dos mais variados lugares do mundo. O lugar também chama atenção pela sua decoração minimalista, tem uma boa trilha sonora e um clima bem tranquilo. É uma ótima opção para um café da manhã acompanhado de docinhos, um expresso bem tirado ou mesmo um café coado. O menu conta também com saladinhas deliciosas. Endereço: 2911 University Ave, North Park, San Diego, Califórnia.

Holy Macha, San Diego.
Holy Macha, San Diego.

Eu não sou fã de macha, mas quem gosta não pode deixar de conhecer o Holy Macha. O lugar vale a pena a visita nem que for para tirar uma foto de tão lindo que é. Decorado cuidadosamente em tom pastéis com o verde e o rosa predominando, o local nasceu pronto para ser instagramado. Ele é o primeiro “café macha” de San Diego e tem apenas um ano de vida. Endereço: 3118 University Ave, North Park, San Diego, Califórnia.

Comprinhas

Pigment, loja irresistível em North Park.
Pigment, loja irresistível em North Park. Foto: Max Whittaker

Quem gosta de brechós e lojas menores, North Park é o paraíso. Encontrei várias opções entre a 30th Street e a University Street. A Pigment é uma loja de plantas, mas além delas, eles vendem de tudo um pouco, inclusive roupas e móveis. A loja é linda de morrer. É ótima para comprar presentes, inclusive pra você. Endereço: 3801 30th Street, North Park, San Diego, Califórnia.

Aloha Beach Club, San Diego
Aloha Beach Club, San Diego. Foto: Divulgação

Para os meninos surfistas, a Aloha Beach Club tem belas peças coloridas. A marca é do Havaí e tem uma curadoria super apurada. Endereço: 3039 University Ave, North Park, San Diego, California.

O brechó The Girl Can’t Help It só tem peças vintages, incluindo vestidos para festas e peças escandalosas de tão lindas. Mas prepara o bolso, porque nada nele é exatamente barato. A curadoria é super apurada, incluindo acessórios e sapatos. Vale a pena a visita, mesmo que seja só para passar um pouco de vontade. Endereço: 3806 Grim Ave, North Beach, San Diego, Califórnia.

Outro brechó na área, esse com preços mais acessíveis e muito mais simples, é o Hunt & Gather. Para quem adora peças de paetês como eu, pode preparar o coração. Endereço: 2871 University Ave, North Park, San Diego, Califórnia.

A Graffiti Beach tem moda feminina, masculina, acessórios e cosméticos. Tem uns macacões de verão bem lindos a ótimos preços (menos de 80 dólares). Endereço: 2220 Fern St, South Beach, San Diego, Califórnia.

Verbatim Books, North Park, San Diego.
Verbatim Books, North Park, San Diego. Foto: Max Whittaker

Para comprar livros usados, incluindo algumas raridades, o Verbatim Books é puro deleite. A seleção de livros de artes, ficção científica, cosmologia, astronomia e ciências é fantástica. Endereço: 3793 30th Street, North Park, San Diego, Califórnia.

Para quem quiser encher a mala de vinil, eu recomendo conhecer a Vinyl Junkies. A loja é bem recomendada para colecionadores que levam o vinil a sério. Além de comprar e vender discos, eles promovem também eventos para trocas de qualquer gênero, o “The Vinyl Junkie Record Swap”. Endereço: 2235 Fern St, South Park, San Diego, Califórnia.

San Diego tem vários shoppings center e outlets, mas foram as lojas de marcas locais que conquistaram meu coração. Quem quer comprar produtos de marcas internacionais, o Fashion Valley Mall é uma boa opção. Lá se encontram desde H&M, Urban Outfitters até Louis Vuitton. Ele é aberto o que deixa a visita mais agradável. Prepare-se para perder horas por ali.

Onde ficar

A famosa piscina do Lafayette Hotel, em San Diego
A famosa piscina do Lafayette Hotel, em San Diego. Foto: Max Whittaker / Visit California

Quem quiser ficar fora da região central, como eu fiquei, o Lafayette Hotel fica em North Park e tem uma longa história para contar. Entre todas elas, a melhor é que a cena do karaokê de Top Gun, em que Maverick (Tom Cruise) canta “You’ve Lost Tha Loving Feeling”, foi gravada no lobby deste hotel. O hotel abriu suas portas em 1946. O primeiro hóspede do Lafayette foi o comediante Bob Hope, mas ele foi o primeiro de várias celebridades que se hospedaram por lá. Os quartos não sofreram muitas renovações desde então, mas são super confortáveis (as duchas poderiam ser melhores). A grande atração do hotel é a piscina, super concorrida e abriga festas durante o verão. O café da manhã deles é a la carte e delicioso. A localização é boa também, mas não muito próxima ao centro da cidade. Os quartos duplos custam a partir de R$376.

**

Agradeço ao Visit California pelo convite e pela oportunidade de conhecer San Diego, especialmente o lado B, que é muito mais a minha cara. 

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

18 de May, 2018

Share

Lalai Persson

Lalai prometeu aos 15 anos que aos 40 faria sua sonhada viagem à Europa. Aos 24 conseguiu adiantar tal sonho em 16 anos. Desde então pisou 33 vezes em Paris e não pára de contar. Não é uma exímia planejadora de viagens. Gosta mesmo é de anotar o que é imperdível, a partir daí, prefere se perder nas ruas por onde passa e tirar dicas de locais. Hoje coleciona boas histórias, perrengues e cotonetes.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.