De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Roteiros 12 horas por Treviso

Explorando cidades do nascer do sol ao fim da noite.

SP24hrs

Porque para amar São Paulo não é preciso firulas.

As boas do fim de semana no Recife: 22.06

Quem escreveu

Júlio Cavani

Data

20 de June, 2018

Share

No Recife, mesmo os baladeiros que não viajam tanto em festas juninas também acabam entrando no clima de São João. Quem tiver fogo para ir ver a programação gratuita do Sítio da Trindade, ou festas como a Maledita da Bud Basement e a Carola Arreta, vai ver arraial de todo tipo: para quem gosta de dançar forró, para quem prefere música pop e até para quem quer ouvir brega. Tem, inclusive, o Sonido Trópico para quem não quer entrar em nenhuma quadrilha, porque tá a fim de fritar na pista sozinho. O que importa é aproveitar a lombra do feriado e festejar. Os mais fiéis ao espírito junino vão atrás das tradições até no interior, onde o arrasta-pé rola até o amanhecer, seja ao som de Cordel do Fogo Encantado, em Arcoverde, ou cantando Tareco e Mariola com Petrúcio Amorim, em Caruaru. Já os que gostam mesmo é de fazer programas mais tranquilos agradecem pelo tempo de sobra para ver O Nó do Diabo no cinema ou conversar com a diretora Tuca Siqueira após a exibição de Amores de Chumbo no São Luiz.

 * Foto destaque: Cordel do Fogo Encantado por Tiago Calazans.
 * Textos de Camila Estephania (substituindo Júlio Cavani) 

Quem escreveu

Júlio Cavani

Data

20 de June, 2018

Share

Júlio Cavani

Durante três meses em Nova York em 2010, Júlio não trabalhou e nem estudou. dedicou todos os dias e noites da viagem a shows, exposições e cinemas. Na verdade, a vida dele é assim o ano inteiro, todos os anos, em qualquer cidade onde esteja. Quando trabalha, procura sempre algo relacionado a arte, filmes e música. Quando tem tempo livre, busca as mesmas coisas (ou ambientes com muita natureza). Também desenvolve os próprios projetos artísticos, influenciado por tudo o que vê e ouve. Ele ainda é conhecido por conseguir provar que sempre é possível encontrar coisas legais para fazer no Recife e por estar em vários lugares ao mesmo tempo.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.