De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Dicas para celebrar o aniversário do David Bowie

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

08 de January, 2019

Share

David Bowie completaria 72 anos de vida no próximo dia 8 de janeiro, mas nos deixou três anos antes disso (10 de janeiro). Para comemorar e relembrar a vida, a obra e as alegrias que o camaleão do rock nos proporcionou ao longo de sua carreira, fiz uma lista de algumas celebrações que vão rolar na data, além de outras referências para mergulhar no universo do cantor. Fotografia, pintura, cursos, festas, podcast, entrevistas, filmes, livros e, claro, a música. Clica no play e vai:

Curso

Em São Paulo, o MIS – Museu da Imagem e do Som – promove o curso “David Bowie – filosofia e arte”, que analisa as possíveis conexões de sua obra com a filosofia. E não são poucas. O curso acontece entre os dias 8 e 10 de janeiro. Serão 3 encontros, das 19 às 22h. O valor é R$ 80 pelo curso completo. Corra que são poucas vagas!

Festas & shows

Ikaro Kadoshi no Baile do Bowie. Foto: Marcelo F de Souza
Ikaro Kadoshi no Baile do Bowie. Foto: Marcelo F de Souza

No dia 12 de janeiro acontece o tradicional Baile do Bowie, no Cine Joia, que desde 2015 celebra o aniversário do artista. Na programação tem show de Ikaro Kadoshi revivendo performances do Bowie. Já André Frateschi e Miranda Kassim fazem um DJ set especial com o melhor do rock inglês. A festa entra madrugada adentro mergulhando no universo mágico que ele criou. Os ingressos custam entre R$ 30 e R$ 50, dependendo do lote.

Quem gosta de banda cover, poderá conferir o show do David Bowie Project Brasil. No repertório, músicas desde “Space Odity” até seu último trabalho “Blackstar”. O show rola no dia 12 de janeiro, das 21 às 23h30, no Teatro UMC, na Vila Leopoldina (São Paulo).

Arte

Você sabia que David Bowie também se aventurou no mundo da pintura? A Very Private Gallery, em Madri, reuniu 30 pinturas produzidas por ele entre 1970 e 1990 numa coleção intitulada “A Souful Art Legacy: 25 David Bowie Paintings“. Nela há auto-retratos e também um retrato do Iggy Pop feito por ele em Berlim.

Exposição: David Bowie is

O MIS foi a primeira instituição do mundo a receber a exposição “David Bowie is”, criada pelo Victoria and Albert Museum. Aberta em 2013 em Londres, a exposição veio pra São Paulo em 2014. Desde então, percorreu 12 museus ao redor do mundo encerrando sua turnê no Brooklyn Museum, em Nova York, em julho de 2018. Foram mais de 2 milhões de visitantes ao longo de 5 anos. Para celebrar seus 72 anos de nascimento e o sucesso da exposição, será lançado o app de realidade aumentada “David Bowie is”, no dia 8 de janeiro. Nele será possível conhecer e interagir com cerca de 500 itens que estiveram presentes na exposição e alguns objetos inéditos. A narração do app é feita pelo ator Gary Oldman. O valor será 7,99 libras (não sei ainda o valor em R$).

Filmes & TV

Extrato do filme “Bowie: the man who changed the world”

A Netflix incluiu há algum tempo em seu catálogo o documentário “Bowie: the man who changed the world” (2015), que apresenta sua trajetória artística desde o início da carreira até o fim de seus dias. É uma boa opção pra mergulhar um pouco na vida de Bowie. A parte triste é que não há músicas do artista no filme, já que provavelmente não conseguiram licença de uso delas.

David Bowie participou de vários filmes ao longo de sua vida. Um dos meus favoritos da vida é Labirinto, de 1986. Nele, David Bowie faz o papel de Goblin King (Rei dos Duendes), personagem de um dos livros da Sarah (Jennifer Connelly). Ele ganha vida e sequestra irmão caçula da Sarah para transforma-lo também em duende. Foi neste filme que eu soube sobre o Bowie. Não demorou muito para ele aterrissar no Brasil para três shows em 1990, num dos quais eu tive a grande sorte de estar presente, no Estádio do Palmeiras (atual Allianz Parque).

David Bowie no Glastonbury 2000.

David Bowie tocou em 2000 no Glastonbury Festival. O show será lançado em DVD (isso mesmo, DVD!) acompanhado de CD, no próximo dia 19 de janeiro. Já é possível garantir a caixa em pré-venda aqui. Já é possível ouvir o show na íntegra em várias plataformas de streaming.

O apresentador Conan O’Brien convidou Bowie para o seu programa em 1997. É possível assisti-lo na íntegra aqui. Caso queira ver outras entrevistas, aqui tem uma boa lista delas.

Está previsto o terceiro e último episódio do documentário “David Bowie: the first five years”, produzido pela BBC Studios. A primeira parte foi lançada em 2013, a segunda em 2017, e a terceira sairá em meados deste ano (2019). A produção e direção é de Francis Whately.

Literatura

David Bowie em Blackstar, sua última obra prima

O número de obras escritas acerca da vida de David Bowie é enorme. A biografia Starman, de Paul Trynka, foi publicada originalmente em 2011 e é considerada uma das melhores. A última atualização foi feita em 2013 para incluir o lançamento do álbum “The Next Day”. Porém não cobre os anos seguintes (ainda assim vale a pena a leitura, porém não foi traduzido ainda para o português).

Para quem quiser mergulhar mais a fundo no universo do artista, aqui tem uma lista com 5 livros em português sobre sua vida e obra.

Bowie foi um assíduo leitor. Após a sua morte, foi publicada uma lista com seus 100 livros favoritos. Quer mergulhar um pouco nas referências dele? É só conferir a eclética lista das leituras que fazia. Duncan Jones lançou no final de 2017 um desafio em seu twitter aos seus seguidores: quem leria com ele as 100 obras favoritas do pai. Gostaria de saber se ele conseguiu cumprir o desafio. :)

Podcast & entrevistas

David Bowie: The Man Who Fell To Earth por Geoff MacCormack

Há também vários podcasts sobre o David Bowie. Quem quiser ir a fundo ouvindo alguém que era muito próximo ao David Bowie, pode seguir o “The A to Z of David Bowie” comandado pelo Marc Riley, apresentador da rádio BBC 6, ao lado do também apresentador Rob Hughes. A última entrevista de Bowie em um programa de rádio foi feita em 2004, justamente tendo Riley como entrevistador.

Marc Riley convidou o fotógrafo Geoff MacComark, que era amigo de infância de Bowie, e passou os anos entre 1973 e 1976 viajando com o cantor e a banda para fotografar a turnê, para um longo bate-papo sobre o artista. Vale muito a pena ouvir a 1:23:50 de conversa.

O Nexo fez um podcast na ocasião de sua morte, convidando vários artistas para fazerem depoimentos sobre ele. Você pode ouvi-lo aqui.

Viagens

David Bowie with Geoff MacCormack na Praça Vermelha (Rússia). Crédito Geoff MacCormack

David Bowie rodou o mundo e morou em vários lugares diferentes. Foram criados vários tours a partir de suas viagens para que seus fãs pudessem conhecer e experimentar lugares pelos quais ele passou. Berlim, Nova York, Londres, Kyoto (inclusive se quiser se hospedar no ryokan em que Bowie passou sua lua-de-mel com a Iman, é só clicar aqui), Islândia, Rússia são alguns destinos que dá para se deleitar seguindo seus rastros.

Descanse em paz Bowie. <3

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

08 de January, 2019

Share

Lalai Persson

Lalai prometeu aos 15 anos que aos 40 faria sua sonhada viagem à Europa. Aos 24 conseguiu adiantar tal sonho em 16 anos. Desde então pisou 33 vezes em Paris e não pára de contar. Não é uma exímia planejadora de viagens. Gosta mesmo é de anotar o que é imperdível, a partir daí, prefere se perder nas ruas por onde passa e tirar dicas de locais. Hoje coleciona boas histórias, perrengues e cotonetes.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.